sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

Novo hospital já funciona parcialmente




A boa notícia é que está confirmada a inauguração do Hospital da Ilha, para a sexta feira, dia 1º de março. A presidente Dilma Rouseff  foi convidada pelo prefeito Eduardo Paes e aceitou prestigiar o evento que vai entregar à população um equipamento público cuja importância é vital para o atendimento à saúde da população. É preciso reconhecer o esforço das autoridades públicas que planejaram e construíram um hospital amplo, num local de acesso fácil e dotado de equipamentos moderníssimos.

A ansiedade dos moradores com as seguidas mudanças na data de inauguração revelam a importância e a necessidade que o hospital tem para a comunidade. Construído no terreno onde antes funcionava a Sodinava, uma antiga concessionária de automóveis, o projeto demorou muito para sair do papel. Foram mais de oito anos de promessas enquanto o terreno permaneceu abandonado, sendo motivo de queixas de moradores pelo mato, sujeira e a ocupação por moradores de rua. Coube ao prefeito Eduardo Paes, logo que assumiu o seu primeiro mandato, refazer o projeto e iniciar a execução da obra que consumiu mais de 40 milhões de reais.

Desde a quinta feira, dia 7, o hospital está funcionando para atendimentos básicos de pacientes. A ideia é implementar os serviços gradativamente com qualidade e adequar a nova equipe de profissionais de saúde à estrutura funcional das instalações e ao uso dos modernos equipamentos. Um exemplo é o setor de emergência, onde um bom atendimento e rapidez poderá fazer a diferença entre a vida e a morte. É vital a sincronia com bombeiros e socorristas. Os cuidados para que tudo funcione bem são essenciais, já que vidas humanas estarão em jogo.

Considero esse hospital, que homenageia o médico Evandro Freire, um marco extraordinário para a população da Ilha do Governador. Manifesto também a gratidão do povo ao prefeito Eduardo Paes que cumpriu a sua palavra. Não há obra pública mais importante do que um hospital.